Header AD

i

Batman Vs Superman: A Origem da Justiça | Crítica da Semana


De um lado um deus com poderes ilimitados, munido -a nosso favor- apenas de um senso de Humanidade maior que o da própria Humanidade. Do outro lado um "Vigilante" munido de recursos, raiva e um temor de que "O poder corrompe, e o poder absoluto corrompe absolutamente".  "Batman Vs Superman: A Origem da Justiça" chega com a proposta de por fim em uma duvida que já assola os fãs e os internautas de todo o mundo. Seria possível um embate entre um Homem e um deus? Co-escrito por Chris Terrio e David S. Goyer ( 'Blade', 'Dark City') e dirigido por Zack Snyder ( '300' e 'Sucker Punch'), o longa é o primeiro grande teste para Snyder.


O longa se inicia com um flash-back do jovem Bruce Wayne testemunhando o assassinato de seus pais por um assaltante e segue até cumina  no confronto final de 'Man of Steel' entre Superman  interpretado por Henry Cavill e General Zod  vivido por Michael Shannon, mas desta vez mostrando o ponto de vista de Bruce Wayne / Batman (Ben Affleck), que vê centenas de membros de sua equipe de profissional sendo mortos quando o escritório da Wayne Industries é danificado na luta titânica entre Zod e Superman. Nesse momento vemos nos olhos de Affleck o mesmo "medo/impotência" do jovem Bruce ao perder seus pais sem poder fazer nada.


 Esse sentimento "catapulta" Bruce/Batman a acabar de uma vez por todas com o escoteiro de Krypton em uma guerra preventiva. Utilizando uma armadura biomecânica e fortificada por Kryptonita, Bruce e você também, acabam por enxergar Kal-El como um deus falso e descuidado, cujos poderes deve ser neutralizado.

-Poxa Leandro! Você ta dando Spoiler’s?! Não meu caro Padawan, não tem nada aí nesse texto que não esteja nos inúmeros trailers exibidos a exaustão desde o fim das gravações.


Você percebeu que só estou falando de Batman até agora? Bom, o título "Batman Vs Superman: A Origem da Justiça",  promete uma distribuição uniforme dos Heróis em tempo de tela, mas, não é bem isso que acontece. Em alguns momentos fica a sensação de que se trata de um filme do Batman com uma participação especial e glorificada de Superman. Mas, não é nada disso... na realidade, o longa é um trailer de 2:30 minutos do “ Liga da Justiça – Parte I” que já vai começar a ser rodado na próxima semana e tem previsão de ser lançado em 16 de novembro de 2017. Mas não encare isso como um ponto negativo, "Batman Vs Superman: A Origem da Justiça",  antecipa a entrada do novo universo, e mostra um questionamento do Batman que qualquer um teria frente ao novo, no caso; "Super" novo!


Jesse Eisenberg interpreta um Lex Luthor mais psicótico e menos brilhante, e seus trejeitos acabam por cansar ao longo do filme, dando saudade do Lex interpretado por Michael Rosenbaum em "Smallville". Outro ponto negativo é a  Lois Lane de Amy Adams que continua como a donzela em perigo iminente. Gal Gadot por sua vez, encanta como a guerreira amazona Mulher Maravilha, chegando a criar uma expectativa para seu filme solo(Já em produção e que será lançado em 23 de junho de 2017). Outro destaque é para Jeremy Irons como o mordomo Alfred que frente ao brilhantismo já apresentado por Michael Caine ao personagem, consegue se desvencilhar da imagem já criada em nosso imaginário


A fotografia de Larry Fong é demasiadamente escura e cansativa, hora os personagens estão em meio a sombra, hora eles estão envolto em meio as fumaças ou fogo... ou em visões térmicas. Até mesmo em cenas de plena luz do dia, parece ocorrer ao fim do dia, o que acaba desagradando e lembrando os clássicos filmes do Batman, onde o herói de preto aparece nas sombras sem revelar muito.


Mas também há alguns momentos brilhantemente no longa, e a atuação é uma delas, Affleck e Cavill ambos estão soberbos, mas o destaque é para Affleck que constrói um Batman diferente do que você já viu no cinema e mais próximo dos quadrinhos. Affleck foi muito criticado pela escolha para o papel, muitos achavam que não seria uma escolha acertada, mas compõe um personagem forte, violento e sem carregar o “fantasma” de Christian Bale.


A trilha sonora operística assinada por Hans Zimmer, é outo ponto acertado que acaba por dar mais dramaticidade as cenas de ação carregadas de CGI. A direção cheia de closes com desfoque e câmeras lentas  de Zack Snyder acaba por ser a escolha perfeita para o projeto, pois dá o ar diferenciados dos filmes da Marvel mostrando mais e diferenciando o mundo da DC. Assim como Afleck, o diretor Snyder sofreu algumas críticas e até foi questionado se daria conta do projeto, até mesmo pela Warner, que bombardeou o expectador com trailers e mais trailers repletos de cenas e spoilers sobre a trama com medo dos comentários e tentando mostrar que o filme poderia ser bom. Mas, eu ouso a dizer que mesmo assim, o filme tem cenas inéditas que não foram divulgadas nos trailers anteriores pela Warner Bros Pictures(Pausa dramática e sarcástica!).


No final das contas "Batman Vs Superman: A Origem da Justiça",  aparas as "falhas" de "Homem de Aço", entrega tudo aquilo que você espera, e cria um novo universo onde os demais heróis podem existir. Dando a oportunidade da Warner de investir junto com a DC em uma área dominada pela Disney e a Marvel. Vale o ingresso e com toda certeza é diversão garantida para fãs e não fãs.

História e Criatividade:  ★★
Enredo: ★★
Trilha Sonora:  ★★
Personagens e atuações:  ★★
Direção:  ★★
Efeitos: ★★


  Nota Geral: 4,5pts
  (Excelente)

Recheado de ação e "Batman Vs Superman: A Origem da Justiça"não desaponta e mostra um novo mundo de possibilidades para os fãs da DC.

Direção: Zack Snyder
Escrito :Chris Terrio e David S. Goyer
Elenco :Ben Affleck (“Argo”), Henry Cavill (“O Agente da UNCLE”),Gal Gadot (“Mulher-Maravilha”) Jesse Eisenberg (“American Ultra – Armados e Alucinados”, “Truque de Mestre 2”), Amy Adams (“Trapaça”) e Jason Momoa (“Conan – O Bárbaro”, “Game of Thrones”).

Trailer Oficial:


 Sinopse:
Depois de sua luta titânica contra o General Zod, Metropolis foi arrasada e Superman é a figura mais controversa no mundo. Enquanto para muitos ele ainda é um emblema de esperança, um número crescente de pessoas o consideram uma ameaça à humanidade e buscam justiça para o caos que ele trouxe a Terra. Até onde Bruce Wayne sabe, Superman é um perigo claro para a sociedade e, por temer o futuro do mundo com alguém com um poder tão imprudente e desgovernado, ele então coloca sua máscara e capa para corrigir os erros do Super-Homem. A rivalidade entre eles é furiosa, alimentada por amargura e vingança, e nada pode dissuadí-los de travar esta guerra. No entanto, uma nova ameaça obscura surge sob a forma de um terceiro homem: aquele que tem um poder maior do que qualquer um deles para pôr em perigo o mundo e causar a destruição total. O confronto de super-heróis que o mundo está esperando finalmente chegará aos cinemas com um elenco de grandes estrelas dando vida à personagens que todos nós amamos.

O que você espera desse filme? Comente e dê sua Nota... Ajude o www.setimaart.com e os outros internautas!
Batman Vs Superman: A Origem da Justiça | Crítica da Semana Batman Vs Superman: A Origem da Justiça | Crítica da Semana Reviewed by Sétima Art on 14:23:00 Rating: 5

Nenhum comentário

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do Site, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor do www.setimaart.com reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.


>

Ads Top